APAMB
RSS Facebook
 
5 de Junho – Dia Mundial do Ambiente
02/06/2021

O tema deste ano: RESTAURAÇÃO DE ECOSISTEMAS

Todos os anos, as Nações Unidas apresentam um tema, que serve de ponto de partida para o desenvolvimento de ações de celebração do Dia Mundial do Ambiente em mais de 100 países, com variadas atividades programadas em função desse tema. Os eventos visam apresentar novas formas e métodos de preservar o futuro da humanidade, seja através de ações individuais do cidadão ou coletivas.

A restauração do ecossistema significa auxiliar na recuperação de ecossistemas que foram degradados ou destruídos, bem como conservar os ecossistemas que ainda estão intactos. Ecossistemas mais saudáveis, com maior biodiversidade, produzem maiores benefícios, como solos mais férteis, maiores rendimentos de madeira e peixes e maiores estoques de gases de efeito estufa.

Restaurar como?

A restauração pode acontecer de muitas maneiras – por exemplo, através do plantio ativo ou removendo pressões para que a natureza possa se recuperar por conta própria. Nem sempre é possível – ou desejável – devolver um ecossistema ao seu estado original. Ainda precisamos de terras agrícolas e infraestrutura em terras que já foram florestas, por exemplo, e ecossistemas, como sociedades, precisam se adaptar a uma mudança climática.

Entre agora e 2030, a restauração de 350 milhões de hectares de ecossistemas terrestres e aquáticos degradados poderia gerar US$ 9 trilhões em serviços ecossistémicos. A restauração também poderia remover de 13 a 26 gigatoneladas de gases de efeito estufa da atmosfera. Os benefícios económicos dessas intervenções excedem nove vezes o custo do investimento, enquanto a inação é pelo menos três vezes mais cara do que a restauração do ecossistema.

Restaurar o quê?

Todos os tipos de ecossistemas podem ser restaurados, incluindo florestas, fazendas, cidades, pântanos e oceanos. Iniciativas de restauração podem ser lançadas por quase qualquer pessoa, desde governos e agências de desenvolvimento até empresas, comunidades e indivíduos.Isso porque as causas da degradação são muitas e variadas, podendo ter um impacto em diferentes escalas.

Se já está a preparar as suas férias saiba:

ORIENTAÇÕES PARA O VERÃO

O COVID19 ainda está por aí! Saiba o que está definido para poder usufruir bem das suas idas à praia.

As orientações para a população já são conhecidas e foram compiladas pela Associação, pelo que se quiser informação mais detalhada estamos em posição de lhe enviar por email. Basta pedir!


6


DESTAQUES